Weather Data Source: Tempo para os próximos 25 dias

Antes de ser morta pelo marido, mãe salvou filho jogando-o por cima do portão

Compartilhe:

Brasil – Assassinada a tiros pelo marido, o guarda civil metropolitano Anderson Gomes Pedro Pupim, de 40 anos, na última sexta-feira (1º) em Goiânia, Goiás, Caroline Conceição do Nascimento, de 26, salvou a vida do filho, de 6 anos, jogando-o por cima de um portão para que fugisse do padrasto.

A informação foi revelado pelo irmão da jovem, o técnico de enfermagem Andrew Luiz, ao portal Uol nesta segunda-feira (4). Ele disse ainda que o menino, que era filho de outro relacionamento de Caroline, ainda não sabe da morte da mãe.

“Estava tudo encaixotado. Ele chegou na hora e não deixou mais arrumar os pertences. O Anderson tentou matar o filho dela, mas a Carol pegou uma arma e atirou de raspão no braço do marido antes de jogar a criança por cima do portão. Ele, então, pegou a arma e atirou nas costas dela”, contou Andrew, dizendo que a irmã arrumava as malas para voltar para o Amapá, onde mora a família.

O rapaz disse que o menino pergunta pela mãe e a família aguarda orientação de psicólogos para comunicar sobre a morte.

Fonte: Revista Fórum