Criança de 7 anos morre após cair em escola.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

ACIDENTE – Uma menina de apenas 7 anos de idade, identificada como Lorrane Victória de Pontes, morreu após cair na escola e torcer o joelho. Ela passou por atendimento médico três vezes na Santa Casa de Capão Bonito (SP). 

O tio da criança, Rubens Silvério da Silva Júnior, explicou que a criança havia caído na escola em que estuda, em Capão Bonito, e a mãe foi acionada sobre a queda da menina e que deveria ir buscá-la.

No primeiro momento a menina foi encaminhada para fazer exame de raio-x, recebeu a medicação e foi liberada para voltar para casa. De acordo com a família, a criança ainda se queixava de sentir dores na perna, vomitando e apresentava febre. Os sintomas foram apontados como uma possível virose..

O tio conta que a família percebeu um inchaço em Lorrane, e a mãe a levou ao hospital mais uma vez no dia seguinte. Já no segundo atendimento os médicos colocaram uma tala na perna e a liberaram para casa.

Já na terceira vez em que a mãe a levou para o hospital no último domingo (31), a menina foi atendida por uma pediatra. A família relatou que a menina estava com a boca roxa e precisou de oxigênio. Lorrane fez raio-x no estômago após a medica perceber que o fígado estava inchado.

Após o atendimento a médica solicitou que a criança fosse transferida para Sorocaba onde realizaria mais exames, porém, a menina faleceu a caminho do hospital. 

“Foi descaso porque não tem pediatra. Só no terceiro atendimento que teve. E dava tempo, eu acredito muito que dava tempo”, desabafou. 

Em nota à Tv Tem, a Santa Casa de Capão Bonito confirmou que Lorrane foi atendida pela instituição nos dias 29, 30 e 31 de outubro, mas negou que houve omissão no atendimento.

Segundo a unidade, “no terceiro atendimento, constatou-se tratar-se de caso potencialmente grave em decorrência dos sinais e sintomas apresentados e, prontamente, foi solicitada vaga de transferência via CROSS, que foi concedida para o Hospital Regional de Sorocaba”.

A Santa Casa informou que a paciente foi acompanhada durante o transporte por médica especialista e morreu durante a remoção.