Weather Data Source: Tempo para os próximos 25 dias

Universitários invadem o T1 e protestam contra a tarifa de R$ 4,50

Compartilhe:

Manaus – Na tarde desta segunda-feira (22), uma marcha tomou conta do centro de Manaus. Estudantes universitários se mobilizaram e marcharam até o Terminal de Ônibus T1, localizado na Avenida Constantino Nery, em protesto contra o recente aumento da tarifa de transporte público. A manifestação foi organizada pela União Nacional dos Estudantes (UNE) e outros grupos estudantis e partidários, e teve como principal reivindicação a revogação do aumento, que elevou o valor da passagem de R$ 3,80 para R$ 4,50.

O protesto ganhou força entre os universitários, uma vez que eles não possuem acesso à gratuidade no transporte público, como é garantido aos estudantes do ensino básico. A meia-passagem, que antes custava R$ 1,50, também sofreu um aumento considerável, passando para R$ 2,25. No entanto, esse benefício só é concedido aos estudantes universitários formalmente matriculados em instituições da cidade de Manaus e com um número limitado de créditos, exclusivamente para o deslocamento até as unidades de ensino.

Os manifestantes argumentam que o aumento da tarifa impacta diretamente o orçamento dos estudantes universitários, que já enfrentam dificuldades financeiras para custear sua formação acadêmica. Muitos dependem do transporte público diariamente para se deslocar até suas instituições de ensino, e o aumento repentino na tarifa representa uma significativa sobrecarga em seus gastos mensais.

Durante a marcha, os universitários entoavam palavras de ordem e exibiam cartazes com mensagens de protesto, pedindo a revisão do valor da tarifa e a garantia de acesso ao transporte público de qualidade a preços justos. O movimento também busca a ampliação do benefício da meia-passagem para todos os estudantes universitários, sem as restrições atuais.

CM7